Personagens

Flor (Luciana Abreu)

Conde Máximo (Ricardo Per...

Lourenço (Jorge Corrula)

Evaristo (Rui Mello)

Mário Araújo (Rui Unas)

Afonso (Afonso Pimentel)

Henrique (Tiago Barroso)

Olívia (Raquel Strada)

Martim (Diogo Martins)

Tomás (Diogo Rebelo)

Rosa (Catarina Cardoso)

Helga Schneider (Cristina...

Tiago (João Maria Maneira...

Clara Miranda

Xana (Ana Cloe)

Flip (Marco Medeiros)

Bata (Rodrigo Saraiva)

Directora do Colégio (Els...

Cozinheiro do Orfanato (B...

Anna (Maria Emília Correi...

Carlota Sotto (Madalena B...

As Bruxas (Delfina e Magd...

Bernardo (Manuel Sá Pesso...

Arquivos

Julho 2007

Abril 2007

Julho 2006

Pesquisar

 
*Bem-vindos ao menu do Floribella Pt Blog!! Aqui podes encontrar todas as personagens da tua série preferida!Divirtam-se ;) Obrigada pela visita!*
Terça-feira, 17 de Julho de 2007

Conde Máximo (Ricardo Pereira)

Um “sopro” do espírito de Frederico fica nele e vai mudar-lhe a vida.

 

Máximo Augusto Calderon de la Hoya tem 27 anos e é conde de Kricoragán, um pequeno condado independente, entre Espanha e França. Filho de um nobre e uma vedeta dos espectáculos nocturnos viveu a separação dos pais quando ainda era muito novo.

Foi por isso criado entre a rigidez da nobreza e a vida desregrada e sem preconceitos que a mãe lhe mostrava, nos cabarés onde trabalhava. As suas “madrinhas”, como chamava às coristas que trabalhavam com a sua mãe, faziam-lhe todas as vontades. Não tinha de se esforçar para obter nada e por isso acomodou-se à vida indolente. A proximidade com o universo feminino fez com que Máximo descobrisse, desde muito cedo, o que fazer para conquistar o coração das mulheres.


Fanático pelo desporto, gosta de nadar, fazer equitação e conduzir carros desportivos. Não tem medo de ninguém e nada o faz desviar-se dos seus planos. Detesta trabalhar e raramente o faz. É egocêntrico e em geral não mede as consequências dos seus actos. Nem sequer se preocupa com elas. Isso só acontece com a morte de Frederico.


É fascinado pela aventura e aborrece-se com facilidade. Não tem a menor intenção de formar família. É um bon vivant que aprecia roupa de qualidade, boa gastronomia, bons vinhos e mulheres bonitas. Destinado a morrer atropelado, às mãos de um marido enganado furioso, acaba por ser salvo por Frederico numa dramática reviravolta do destino. Um “sopro” do espírito de Frederico fica nele e vai mudar-lhe a vida.

FloribellaPTblog às 19:09
|